Publicado na 16 de junho de 2016

“Getting into Teacher Education: a Handbook” é título ideal para o professor que quer se tornar treinador e para aqueles que já o são sem um treinamento formal

_______________________________________________________________________________

Com a ideia de oferecer um material com linguagem simples e abordagem mais direta para professores de inglês que desejam se tornar treinadores para outros profissionais dessa área, dois especialistas uniram forças para criar um guia prático. Getting into Teacher Education: a Handbook, escrito por Vinícius Nobre e Catarina Pontes – gerente acadêmico e coordenadora acadêmica da Associação Cultura Inglesa de São Paulo, respectivamente – preenche a lacuna que existia nesse mercado, com poucos títulos para iniciantes.

O livro também atende à demanda do professor de inglês que já exerce a função de maneira informal. “Existem poucos cursos que preparam o professor para essa atividade e esse livro contribui para que a transição aconteça de maneira mais tranquila”, explica Nobre. No material, são oferecidas ideias de atividades para o treinador se preparar, e sugestões de atividades práticas durante o trabalho de qualificação de outros professores, em capítulos curtos. “Nosso objetivo era criar um material de fácil acesso”, completa.

Na introdução, o livro discorre sobre os caminhos mais comuns percorridos para se tornar um treinador e os desafios e dificuldades que a nova posição poderá trazer ao profissional. De acordo com os autores, um professor que realmente deseja seguir essa área, invariavelmente, receberá um convite para se tornar um treinador, uma vez que são poucos aqueles que optam por esse campo de atividade. “No cenário atual, há uma carência bastante grande de profissionais qualificados. Ou seja, existe uma excelente oportunidade de profissionalizarmos a capacitação dos professores de inglês e trabalhar com a educação do docente de uma maneira muito mais completa, com resultados melhores e mais sérios”, defende Nobre.

Catarina explica que capacitação de docentes é uma ciência. “Você pode trabalhar com uma bagagem teórica, não apenas com a sua experiência. A contribuição que a leitura desse trabalho possibilita é imediata, porque as ideias podem ser implementadas no dia seguinte. Muitas pessoas têm curiosidade sobre o tema, e vão encontrar as primeiras informações para se aventurar por esse caminho, além de refletirem sobre suas habilidades e competências”.

O livro também dá dicas sobre como fornecer feedback aos profissionais em treinamento. Os capítulos finais são voltados a dicas de desenvolvimento profissional para os próprios treinadores. Ao final de cada capítulo, há uma lista de referências e tarefas. “O profissional precisa estar preparado para os desafios que vai encontrar. E, no livro, nós pontuamos isso de diversas maneiras”, finalizam os autores. O livro pode ser folheado virtualmente no link https://goo.gl/eDX0VO.